Anahp | Área Restrita

Café da Manhã Anahp discute educação a distância


De que forma a tecnologia, tão presente no nosso dia a dia, pode melhorar a qualidade da educação e do treinamento de pessoal nos hospitais? Essa é a pergunta que norteou o Café da Manhã Anahp, realizado nesta terça-feira (10) na sede da Associação em parceria com a Medportal. O objetivo, ao reunir especialistas do setor, foi o de descobrir vantagens e impactos da educação via plataformas digitais para o setor saúde.


O Instituto PEnSI, braço de ensino e pesquisa em saúde da Fundação José Luiz Egydio Setúbal, que administra o Hospital Infantil Sabará (SP), investe atualmente em uma plataforma de ensino a distância, e EaD PEnSI, voltada tanto para o público interno (treinamentos, como parte da estratégia de educação continuada) como o externo (cursos). Mais de 30 mil pessoas já fizeram treinamentos na plataforma. Há conteúdos pagos e gratuitos.

A plataforma também está sendo usado no projeto de telemedicina da fundação com o Ministério da Saúde em oito municípios do estado do Amazonas, dentro do Pronon - Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica. O objetivo é capacitar agentes comunitários do Programa de Saúde da Família (PSF) para o diagnóstico precoce de câncer em crianças e adolescentes, aumentando a chance de cura. O projeto pretende capacitar ao menos 90% dos agentes e 75% dos médicos, atendendo cerca de 460 mil pessoas.

“Estamos animados com todos esses projetos. Esperamos crescer e melhorar cada vez mais nossos indicadores”, ponderou Fátima Fernandes, Diretora Executiva do Instituto PEnSI.

Para o iMed Group Brasil, especializado na prestação de serviços médicos, as plataformas digitais são parte de uma estratégia de treinamento mais ampla cujo objetivo é bastante claro: melhorar o desempenho e a motivação dos profissionais, e assim também resultados e o retorno sobre investimentos feitos.

Segundo Alexandre Ísola, Gerente do Departamento de Educação Continuada da companhia, “a tecnologia vem para ajudar”. O Portal de EAD do iMed Group Brasil aposta em trilhas de conhecimento, com conteúdos exclusivos para colaboradores e outros abertos ao público. Há ainda espaço para debate com os professores e entre os alunos de cada trilha.

Os treinamentos têm sido usados, com sucesso, para a melhoria dos índices de satisfação dos pacientes, medida através do Net Promoter Score (NPS).

Também participaram do Café da Manhã Anahp: Luiz De Luca, Consultor em Gestão de Saúde, e Ivana Siqueira, Consultora em Gestão de Serviços Assistenciais e Educação de Profissionais de Saúde.

Veja abaixo as apresentações usadas durante o evento.