Anahp | Área Restrita

Aplicações da inteligência artificial no setor da saúde é tema de Café da Manhã


Entender e apresentar alguns recursos da inteligência artificial para o setor da saúde, bem como as suas aplicações práticas, foi o tema trazido pela TOTVS, empresa parceira da Anahp e participante do Café da Manhã da associação. O evento aconteceu nesta terça-feira (11), e reuniu quase 70 pessoas.

O Head of Healthcare Segment da TOTVS, Rogério Chaves Pires, esclareceu para o público alguns dos conceitos da inteligência artificial e apresentou a mais recente plataforma da empresa, a Carol. A tecnologia visa aprimorar a propriedade dos dados nas organizações e ampliar a capacidade de análise e a velocidade de tomada de decisões diante de um volume crescente de informações.

"Queremos aplicar as habilidades da Carol para melhorar a gestão e aumentar a produtividade de áreas estratégicas das instituições de saúde independente de seu porte", explicou Pires, destacando entre as funções da plataforma a habilidade de prever, ou seja, com a avaliação da base de dados, a tecnologia identifica se haverá uma quebra de estoque, quebra de receita, vendas ou necessidade de alguma manutenção crítica.

Outra solução da plataforma é a capacidade de auditar, tanto na avaliação de procedimentos, na análise de histórico, na porcentagem de acertos, quanto no desempenho da auditoria e na prevenção de fraudes. "Hoje as maiores dores do setor da saúde são a fraude e a glosa. Antever essas situações é a proposta da nossa tecnologia", revelou o especialista, acrescentando que com a ferramenta é possível reduzir até 20% dos procedimentos a serem auditados.

Pires citou ainda outros usos que em que a Carol pode ser aplicada em hospitais, como por exemplo na recepção ou em áreas restritas, em que através de um reconhecimento facial é possível analisar expressões corporais e identificar se as pessoas identificadas são autorizadas para o local ou não.